quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Chuva , menina e desejo.


Conduzida por um impulso inexplicavel , a doce e amarga menina mulher saiu a chuva  . Monbo Jongo do Joe Strummer musicalizava a cena . Começou a dançar na chuva . Que delicia ! As rapidas e refrescantes gotas de chuva do que tinha sido um dia quente agora melhoravam sua noite. Essas mesmas gotas foram deixando aos poucos a camiseta rosa , usada sem sutiã , molhada. E seu minino short de um conjunto de ' baby doll ' apertava mais suas grossas coxas. Dançava . E queria um acompanhante . Alguém que soubesse dançar no mesmo ritmo. Que tivesse iguais desejos. A boca macia e pedinte de beijos sentia o sabor de chuva. E a criatura sorria . Sorria e dançava .
O portão de sua casa ,cheio de frexas possibilitava que chamasse a atenção das poucas almas que passavam correndo na rua fugino da chuva. E intrigava aquelas pobres almas masculinas . Com sua camiseta ( aquela rosa ,molhada e sem sutiã ) e suas pernas de fora.Instigava-os.Olhava pro céu que vezes ou outra se iluminava com raios. Era bonito . A chuva cessou.
Foi caminhando até a entrada da casa , tirando cada peça de roupa molhada e deixando-as para tras . Tomou uma ducha quente. Espirrou . Fez um chá , e enjoou. Acendeu um Lucky Strike ou um Malboro , não olhou o rotulo na embalagem . Estava bem , leve. Se fosse homem tocaria uma punheta naquele momento . Poderia se masturbar mas sua sede era de homem . Aquele homem. 

3 comentários:

Julia disse...

Admiro sua coragem de ser tão sincera e intensa nos seus textos. Belíssimo.

-S. Rachel- disse...

Adorei os textos... São seus mesmo?
Tem muito sentimento neles, são tão reais que nos fazem viajar da realidade.
Queria pegar teu e-mail...

Lista Telefonica disse...

Conheça a melhor Lista Telefônica do Litoral e coloque seu site ou sua empresa sempre à frente. Acesse www.sualista.com.br e saiba mais!